Biografia

Beyoncé Giselle Knowles Carter (Houston, 4 de Setembro de 1981) é uma cantora, dançarina, compositora, arranjadora vocal, produtora e atriz estadunidense, nascida e criada em Houston, no Texas. Cantora desde a infância, Beyoncé chegou à fama no ano de 1997 como vocalista do grupo feminino de R&B Destiny’s Child, que já vendeu mais de 50 milhões de discos no mundo inteiro e mais de 25 milhões de discos, lançados em sua carreira solo.Segundo a Sony Music, se juntar as vendas de discos de Beyoncé é das Destiny’s Child, ira ultrapassar 100 milhões de discos vendidos.

Em 2003, Beyoncé lançou o seu primeiro álbum solo, Dangerously in Love, que se tornou um dos álbuns mais bem sucedidos de 2003, vendendo mundialmente mais de 11 milhões de cópias. Depois que o grupo Destiny’s Child se separou em 2005, ela lançou em 2006, o seu segundo álbum de estúdio, B’Day. O seu terceiro álbum solo, I Am… Sasha Fierce foi lançado em Novembro de 2008, ele se tornou o terceiro álbum solo de Beyoncé em primeiro lugar na Billboard 200.

Em sua carreira, Beyoncé já ganhou 16 Grammy Awards (treze em carreira solo e três com o Destiny’s Child). Ela também já atuou em vários filmes, e foi indicada ao Globo de Ouro na categoria Best Performance by an Actress in a Motion Picture, pela sua atuação no filme Dreamgirls. Beyoncé ao longo de sua carreira já foi premiada e indicada a diversos prêmios do cinema e da música.

Em 2009, a revista Forbes elegeu Beyoncé como a cantora mais rica do mundo com menos de 30 anos de idade, por ela arrecadar mais de 87 milhões de dólares no período de 2008 a 2009. Nesse mesmo ano ela foi eleita a artista da década. A revista Billboard colocou Beyoncé em 4º lugar na lista dos melhores artistas da década de 2000, sendo que ela é a primeira artista feminina dessa lista. No dia 31 de Janeiro de 2010, Beyoncé ganhou seis Grammy Awards das dez categorias que estava concorrendo. Por causa disso, ela se tornou a artista feminina que mais ganhou Grammys em uma só edição da prêmiação.

Quem é Beyoncé?

Beyoncé é filha de Mathew Knowles um produtor musical conhecido por produzir e empresariar o seu grupo Destiny’s Child, e Tina Beyincé, figurinista e estilista de cabelo. O seu pai é afro-americano e sua mãe é crioula da Luisiana. Sua irmã Solange Knowles também é cantora, compositora e atriz. Seus avós maternos Lumis Albert Beyincé and Agnéz Deréon eram francófonos da Luisiana.

Foi educada na escola St. Mary’s Elementary School, no Texas, na qual cursou dança, incluindo o balé e jazz. Seu talento vocal foi descoberto quando seu instrutor de dança começou a cantarolar uma música e ela acabou acertando as notas altas. Mesmo sendo uma menina tímida, começou a participar de vários shows de talentos na escola. Depois que superar a timidez, decidiu se tornar uma cantora. Aos sete anos ganhou um prêmio de mérito escolar pela versão da canção Imagine de John Lennon, música que ela cantou no show de talentos e foi aplaudida de pé. Também aí começou a ganhar a atenção da imprensa por ter sido mencionada no jornal Houston Chronicle, nomeada como candidata da região para o prêmio de artes The Sammy.

Em 1990, matriculou-se na escola de música Parker Elementary School, onde ela cantava com o coral da escola. Ttambém já foi aluna da High School for the Performing and Visual Arts e depois da Alief Elsik High School. Na sua igreja era solista do coro, no qual cantou por dois anos, porque ela estava preocupada com a sua nova carreira. Com nove anos de idade, Kelly Rowland e ela fizeram um teste para um grupo de meninas; logo depois elas entraram em um grupo de rap e dança chamado Girl’s Tyme, formado por seis garotas.

O grupo Girl’s Tyme foi levado a um estúdio no norte da Califórnia para gravações. A voz principal do grupo era a de Beyoncé, pois os produtores achavam que ela tinha potencial para cantar. Apesar dos esforços para assinar com uma grande gravadora, o grupo não se tornou um grande sucesso. Mesmo sem conseguir, Beyoncé não desistiu da carreira, depois de saber que cantores de música pop como Britney Spears e Justin Timberlake tinham passado pela mesma experiência.

Para gerenciar o grupo, o pai de Beyoncé (que era naquela época um vendedor de equipamento médicos) deixou o trabalho em 1995 para dedicar-se inteiramente à carreira da filha.

O início da Carreira!

  • Destiny’s Child

Inspirada em uma passagem do Livro de Isaías, em 1993 o grupo mudou seu nome para Destiny’s Child (“Filho do Destino” em português) nome dado pela mãe de Beyoncé. O significado de “Child” no nome do grupo, ao contrário do que muitos pensam, não significa “filha” mas “filho” porque representa o Filho de Deus.O grupo se apresentava em vários eventos locais. Após quatro anos na estrada, o grupo no final de 1997 assinava contrato com a Columbia Records e nesse mesmo ano elas gravaram a sua primeira música de trabalho Killing Time para a trilha sonora do filme MIB – Homens de preto de 1997.

No ano seguinte, o grupo lançou o seu primeiro álbum Destiny’s Child, que inclui o primeiro grande sucesso do grupo No, No, No. Esse álbum teve vendas moderadas e ganhou alguns prêmios como “Melhor Álbum de R&B”. Mas o grupo alcançou o sucesso quando lançou o seu segundo álbum, The Writing’s on the Wall de 1999, que inclui vários sucessos do grupo como Bills, Bills, Bills (primeiro single número um do grupo), Jumpin’ Jumpin’ e Say My Name.

Em dezembro de 1999, LaTavia Roberson e LeToya Luckett quebraram o contrato com o empresário Mathew Knowles acreditando que ele estava ficando com todo o lucro do grupo e que sempre favorecia mais a Beyoncé e a Kelly Rowland. Em fevereiro de 2000, o vídeo da música Say My Name foi lançado com duas novas integrantes: Michelle Williams e Farrah Franklin.Mesmo sofrendo com as brigas judiciais entre LaTavia e LeToya contra Mathew Knowles, o grupo não deixou de fazer sucesso e lançou outro grande hit, Jumpin’ Jumpin’ e o seu segundo álbum chegou a vender mais de 8 milhões de cópias.

Em 2000, o grupo abriu vários shows da cantora Christina Aguilera, e em julho do mesmo ano foi anunciado que Farrah Franklin deixaria o grupo, depois de apenas cinco meses. Segundo o grupo, Farrah foi convidada a sair depois de não comparecer a várias aparições promocionais e shows. Farrah disse que só saiu do grupo por causa das “vibrações negativas” que ela sentia.

Depois da saída de Farrah, o trio gravou ainda em 2000 a música Independent Women para a trilha sonora do filme As Panteras, destacando-se como o melhor single do grupo com onze semanas em primeiro lugar da Billboard Hot 100.

Em 2001, o terceiro álbum, Survivor, foi lançado — o primeiro do grupo a atingir o primeiro lugar na Billboard. O primeiro single do álbum, que também se chama Survivor, foi inspirada nos últimos acontecimentos que o grupo tinha sofrido — o processo que LaTavia Roberson e LeToya Luckett abriram contra Mathew Knowles só foi resolvido em junho de 2002.

Esse álbum inclui o hit Bootylicious, que ficou em primeiro lugar da Billboard. Com ele, ganharam vários prêmios como o Grammy de “Melhor Álbum de R&B” e “Melhor Performace de R&B de Dupla ou Grupo”. No final daquele mesmo ano, elas lançaram um álbum de natal 8 Days of Christmas; logo depois o grupo anunciou que se separaria, para que cada integrante trabalhasse em sua carreira solo.

  • Voo Solo!

Em 1999, Beyoncé fez um dueto com o seu colega de gravadora Marc Nelson, cantando a música After All Is Said and Done para a trilha sonora do filme O Melhor Homem. Em 2000 ela assinou um contrato de três álbuns com a Columbia Records como cantora solo, nesse mesmo ano ela fez uma parceria com a rapper Amil na música I Got That.

No início de 2001, ela fez o papel principal do filmeCarmen: A Hip Hopera da MTV, ao lado do ator americano Mekhi Phifer. Em 2002, ela co-estrelou o filme Austin Powers e o Membro de Ouro com o ator Mike Myers. A música Work It Out faz parte da trilha sonora do filme e foi o primeiro single solo de Beyoncé.

Em 2003, ela atuou com o ator americano Cuba Gooding Jr. no filme Resistindo às Tentações e gravou várias músicas para a trilha sonora, fazendo parceria com Missy Elliott, MC Lyte e Free na música Fighting Temptation. Nesse mesmo ano, ela fez uma parceria com Jay-Z (que na época era o seu namorado) na música ’03 Bonnie and Clyde. Ela também gravou a música Sexy Lil’ Thug, uma nova versão da música In da Club do 50 Cent lançada em março de 2003.

Ainda em 2003, Luther Vandross e Beyoncé regravaram a música The Closer I Get to You, que foi originalmente gravado por Roberta Flack e Donny Hathaway em 1977. Essa canção está no primeiro álbum solo de Beyoncé Dangerously in Love e no décimo terceiro álbum de Luther, Dance with My Father, ambos de 2003.

Primeiro disco solo:Dangerously in Love.

 

Depois de Kelly Rowland e Michelle Williams, Beyoncé lançou o seu primeiro álbum solo Dangerously in Love em junho de 2003. O álbum teve vários colaboradores musicais como Jay-Z, Sean Paul e Missy Elliott. O álbum estreou na Billboard 200 em primeiro lugar, vendendo 317 mil cópias em uma semana. Foi certificado 4x platina em 5 de agosto de 2004 pela Recording Industry Association of America, o álbum já vendeu mais de 4,2 milhões de cópias nos Estados Unidos.

O álbum teve dois singles em primeiro lugar: Crazy in Love, com a participação do Jay-Z, foi lançado como o primeiro single do álbum e permaneceu em primeiro lugar no Billboard Hot 100 por oito semanas consecutivas; e Baby Boy, com participação do Sean Paul, ficando nove semanas em primeiro lugar no Billboard Hot 100.

Em 2004, Beyoncé ganhou cinco prêmios no Grammy Awards nas categorias “Melhor Performance Vocal de Cantora de R&B” por Dangerously in Love 2, “Melhor Canção de R&B” por Crazy in Love, “Melhor Álbum de R&B Conteporâneo”, “Melhor Performance Vocal de Grupo ou Dueto” por The Closer I Get to You e “Melhor Colaboração de Canção/Rap” por Crazy in Love.

A volta das Destiny’s Child!

 

Depois de três anos separadas, Beyoncé, Kelly e Michelle se juntaram para lançar o quarto álbum de estúdio do grupo, Destiny Fulfilled, lançado em novembro de 2004.O álbum atingiu o número dois na Billboard 200, em 2005 o grupo fez uma turnê mundial chamada Destiny Fulfilled … And Lovin’ It. Para ajudar na divulgação do álbum, a turnê começou em abril de 2005 e foi até setembro de 2005. Quando o grupo estava em Barcelona na Espanha, anunciaram que depois da ultima etapa da turnê na América do Norte o grupo se desfaria.

Em outubro de 2005, o grupo lança a sua primeira coletânea Number 1’s, que inclui todos os hits em primeiro lugar do grupo e algumas de suas canções mais conhecidas. O álbum também trouxe três músicas inéditas: Stand Up for Love, Check on It (trilha sonora do filme A Pantera Cor-de-Rosa) e Feel the Same Way I Do.

Em março de 2006, o grupo foi homenageado com uma estrela na Calçada da Fama e também foi reconhecido como o grupo feminino que mais vendeu discos de todos os tempos.

Segundo disco solo e o sucesso nas telonas!

Em 2006, Beyoncé continuou a sua carreira no cinema ao co-estrelar o filme A Pantera Cor-de-Rosa no papel de Xania, uma pop star internacional, acompanhada do ator americano Steve Martin, que interpreta o policial Jacques Clouseau. O filme foi lançado em 10 de fevereiro de 2006, e estreou em primeiro lugar nas bilheterias, fazendo 21,7 milhões dólares em vendas de ingressos em sua primeira semana. Beyoncé gravou a música Check on It para a trilha sonora do filme, junto com o rapper Slim Thug; a canção alcançou o primeiro lugar na Billboard Hot 100.

Em 2005, Beyoncé cancelou o lançamento do seu segundo álbum por ter ganhado um papel no filme Dreamgirls, uma adaptação cinematográfica de 1981 do sucesso da Broadway sobre um grupo de canto da déc. de 1960, vagamente baseado no grupo feminino The Supremes da gravadora Motown. No filme, ela interpreta Deena Jones, baseada em Diana Ross. Em entrevista para a revista Billboard, disse: “Não vou escrever nenhuma música para o meu álbum, até terminarem as gravações do filme”.

Em dezembro de 2006 o filme foi lançado, com Jamie Foxx, Eddie Murphy e Jennifer Hudson no elenco do filme. Beyoncé gravou várias músicas para a trilha sonora do filme, incluindo a música Listen. Em 14 de dezembro de 2006, Beyoncé foi nomeada para duas categorias no Globo de Ouro: “Melhor atriz em um filme, comédia ou musical” e “Melhor canção original” por Listen.

Numa entrevista para o MTV News, Beyoncé disse: “Inspirei-me no meu papel em Dreamgirls, para criar o meu segundo álbum. Depois que as gravações do filme acabaram, eu tinha tantas coisas guardadas, tantas emoções, tantas idéias”. Beyoncé trabalhou com colaboradores de músicas do seu primeiro álbum, como Rich Harrison, Rodney Jerkins e Sean Garrett. Ela co-escreveu e co-produziu quase todas as canções incluídas no álbum, que ficou pronto em três semanas.

B’day foi lançado mundialmente em 4 de setembro de 2006 e 5 de setembro de 2006 nos Estados Unidos, para coincidir com a data do seu aniversário de 25 anos de idade. O álbum estreou em primeiro lugar na Billboard 200, vendendo mais de 541 mil cópias na primeira semana, tornado-se sua maior marca de vendas como artista solo. O álbum foi certificado 3x platina nos Estados Unidos pela Recording Industry Association of America. O álbum teve o seu primeiro single Deja Vu em primeiro lugar no Reino Unido; a música tem a participação do rapper Jay-Z. O single Irreplaceable foi lançado em outubro de 2006 em todo o mundo como segundo single do álbum e como terceiro nos Estados Unidos. Irreplaceable permaneceu por 10 semanas consecutivas no Billboard Hot 100, tornando-se a música mais tocada de Beyoncé na Billboard até então.

Beyoncé lançou a versão Deluxe do álbum no dia 3 de abril de 2007. Ele trouxe cinco novas faixas e a versão em espanhol das músicas Irreplaceablee Listen. Junto com o álbum, foi lançado também o DVD B’Day Anthology, que contém dez videoclipes. No dia 10 de abril de 2007, Beyoncé iniciou a sua segunda turnê solo The Beyoncé Experience Tour, visitando mais de noventa casas de show em todo o mundo. Um DVD com um show ao vivo dessa turnê foi gravado: The Beyoncé Experience: Live. No 49th Annual Grammy Awards de 2007, B‘Dayganhou o prêmios de “Melhor Álbum de R&B Contemporâneo”. Beyoncé foi a primeira mulher a ganhar o prêmio de “Artista Internacional” no 35th Annual American Music Awards.

Era I Am… Sasha Fierce!

No dia 10 de fevereiro, Beyoncé fez um dueto com a cantora Tina Turner no Grammy Awards de 2008, apresentando Tina Turner como “a rainha” e cantando com ela a música Proud Mary, uma regravação feita por Tina Turner em 1993, para o seu oitavo álbum de estúdio What’s Love Got to Do with It?. O dueto recebeu críticas muito positivas da imprensa.No dia 18 de novembro de 2008, Beyoncé lançou o seu terceiro álbum de estúdio I Am… Sasha Fierce. Beyoncé explicou esse nomeSasha Fierce dessa forma:

Cquote1.svg Tenho alguém que assume o controle quando estou trabalhando e quando estou no palco, este alter ego que eu criei é um tipo de proteção para proteger quem eu realmente sou.[39] Cquote2.svg

Beyoncé em entrevista explica o nome do seu álbum “Sasha Fierce“.

Também em 2008, Beyoncé interpretou a cantora de Blues Etta James, no filme Cadillac Records. Sua performance no filme recebeu elogios dos críticos.Em maio de 2008, Beyoncé começou a atuar ao lodo dos atores Ali Larter e Idris Elba no filme de suspense Obsessed, lançado em 2009. O filme não recebeu uma boa crítica, mas teve um grande sucesso comercial, arrecadando 11,1 milhões dólares em seu primeiro dia de lançamento nos Estados Unidos. No último dia da semana de lançamento do filme, a arrecadação já passava os 28,6 milhões de dólares.

O seu terceiro álbum, I Am… Sasha Fierce, foi lançado no dia 18 de novembro de 2008. Esse álbum teve dois singles lançados ao mesmo tempo: If I Were a Boy e Single Ladies (Put a Ring on It) — lançados nas rádios no dia 8 de outubro de 2008. O single If I Were a Boyficou em primeiro lugar em sete países diferentes, principalmente nos países europeus. Single Ladies (Put a Ring on It) ficou em primeiro lugar na Billboard Hot 100 durante quatro semanas não-consecutivas, tornando-se o quinto single de Beyoncé em primeiro lugar da Billboard.No NAACP Image Award de 2009, Beyoncé ganhou o prêmio de “Melhor Artista Feminina do Ano”. No Teen Choice Awards de 2009, Beyoncé ganhou o prêmio de “Melhor Artista de R&B”. No dia 18 de janeiro de 2009, Beyoncé cantou no Lincoln Memorial em homenagem ao 44.º presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. Ela também cantou a música At Last da cantora Etta James para o presidente e a esposa Michelle Obama no Neighborhood Inaugural Ball.

Para divulgar esse álbum, Beyoncé iniciou sua terceira turnê solo I Am… Tour, que teve início no dia 26 de março de 2009 e tem a previsão de terminar no dia 10 de fevereiro de 2010. Essa turnê passa pela América Latina, Europa, Ásia, África e Oceania. Desde que essa turnê iniciou, ela já rendeu mais de 36 milhões de dólares.

O videoclipe da música “Single Ladies (Put A Ring On It)” ganhou o prêmio de “Clipe do Ano” no BET Awards e também recebeu nove indicações no Video Music Awards de 2009, ganhando em três categorias: “Clipe do Ano”, “Melhor Coreografia” e “Melhor Edição”.

Em Outubro de 2009, foi premiada pela revista Billboard com o prêmio de “Mulher do Ano”. Logo após ganhar o prêmio Beyoncé declarou:

Cquote1.svg Eu sou a mulher mais sortuda do mundo. Cquote2.svg

Beyoncé disse logo após ganhar o prêmio da Billboard

Beyoncé fez parcerias musicais com as cantoras Alicia Keys na música “Put It in a Love Song” do álbum The Element of Freedom e com Lady Gaga nas músicas “Video Phone (Remix)” e “Telephone” do álbum The Fame Monster. Em Novembro de 2009, a música “Crazy in Love” foi eleita pelos críticos da revista NME como a melhor música da década de 2000, a música ficou na primeira lugar de uma lista de 100 músicas escolhidas por esses críticos, esse lista incluí outros artistas conhecidos como Rihanna, OutKast, Arctic Monkeys entre outros.

No dia 20 de Novembro de 2009, durante um show que estava fazendo, Beyoncé revelou que já está preparando um novo álbum para ser lançado em 2010, a cantora estava na cidade de Nottingham, Inglaterra, e se despediu do público dizendo:

Cquote1.svg Este é o meu último show no Reino Unido, espero ver todos vocês em um ano com um novo álbum. Cquote2.svg

Beyoncé durante um show fala sobre novo álbum.

O produtor Rodney Jerkins já confirmou em seu Twitter que já está trabalhando com Beyoncé em novas músicas, que supostamente farão parte do novo álbum da cantora. Beyoncé foi o artista com mais indicações ao Grammy Awards de 2010, recebendo 10 indicações para o prêmio. Em Dezembro de 2009, Beyoncé ficou na segunda posição na lista dos “Maiores Nomes da Indústria do Entretenimento”, perdendo a primeira posição para o ator Johnny Deep. O site Just Jared confirmou o lançamento do primeiro perfume de Beyoncé, chamado Beyoncé Heat, com previsão de lançamento para fevereiro de 2010.

No final de 2009, Beyoncé afirmou que já começou a trabalhar no seu quarto álbum de estúdio, e que esse álbum tem o lançamento previsto para 2010. O produtor Rodney Jerkins anunciou em seu Twitter que está trabalhando em algumas músicas do novo álbum. Em uma entrevista Beyoncé revelou que seu próximo álbum pode tomar um estilo mais Indie. Ela também citou a sua irmã Solange por apresentá-la a diversos tipos de artistas como a banda Of Montreal, que segundo Beyoncé, ela adoraria fazer algo assim em seu próximo álbum.

Pausa e quarto álbum de estúdio!

No início de 2010, Beyoncé, em uma entrevista paro o jornal USA Today, afirmou que dará uma pausa de seis meses em sua carreira com o intuito de buscar inspiração para gravação de seu quarto álbum de estúdio. Durante a entrevista ela disse:

Cquote1.svg É definitivamente hora de dar uma pausa, para recarregar minhas baterias. Eu gostaria de parar seis meses e não entrar no estúdio. Preciso simplesmente viver a vida, encontrar inspiração nas coisas de novo. Cquote2.svg

Beyoncé fala sobre pausa de seis meses ao jornal USA Today.

Antes de iniciar as suas férias, a turnê de Beyoncé, I Am… Tour, ira passar pela América Latina e pelo Caribe, no mês de Fevereiro de 2010. Nesse mesmo mês ela ira fazer a divulgação da sua primeira fragrância, Heat. Em uma entrevista Beyoncé afirmou que o seu novo álbum ainda está previsto para ser lançado em 2010. Nessa mesma entrevista ela disse:

Cquote1.svg Será a coisa mais difícil do mundo para mim não fazer um álbum e filmar um vídeo e transformá-lo e dizer, eu estou pronta. Eu já tenho todas as melodias e idéias na minha cabeça. Eu tenho que dizer a mim mesma, Sente-se! Sente-se! Cquote2.svg

Beyoncé fala sobre o seu quarto álbum de estúdio.

No dia 22 de Janeiro de 2010, ela participou do Hope for Haiti Now: A Global Benefit for Earthquake Relief em Londres, junto com outros artistas como Jay-Z, Bono Vox, The Edge e Rihanna. Beyoncé cantou uma versão acústica de sua música “Halo”, acompanhada por Chris Martin ao piano. No dia 31 de Janeiro de 2010, Beyoncé foi premiada com seis prêmios no Grammy Awards, se tornando a cantora mais premiada em apenas uma edição da premiação. Durante a passagem da turnê I Am… Tour pelo Brasil, Beyoncé gravou com a cantora Alicia Keys o videoclipe da música “Put It in a Love Song” na Favela Santa Marta e no Morro da Conceição ambos localizados no Rio de Janeiro.

Loading…

9 opiniões sobre “Biografia

  1. adorei saber sobre a cantora mais linda do mundo
    eu a amo de mais espero que ela contnue assim conseguindo oq quer e vencendo obstaculos

  2. nossa adorei ler essa grande tragetória
    da vida da beyoncé eu adóro ela mais nunca deixei de
    ter umas pquenas duvidas sobre a carreira dela!!!
    duvidas q agora ja ñ tenho mais!!!
    eu amo a beyoncé!!! pra mim
    ela é a melhor cantora do mundo!!!

  3. Bom já Era “era não” Sou Muito Ligada Sobre a vida e Todos o Assunto que se Fala “Beyoncé”
    E esse site é Maravilhoso .
    Pois Fala de Tudo ,desde do começo até os Dias atuais é isso é Muito Bom .
    Para as pessoas até que não é fã e ser Interessar a saber um pouco Mais sobre essa Diva é só Consulta .

    Amei !
    Beyoncé I love You !!!

  4. Amo a beyonce e fico muito feliz de saber sobre a sua tragetoria.
    Pois ela é muito linda e é minha diva.
    fiquei muito triste por não ter ido a seu show aq em são paulo,mas com seteza vou na proxima.
    Esse site é maravilhoso,adorei.
    amei!!!!!!!!!beyonce te amo muitoooo.

  5. eu amo a beyoncé e adorei conhecer um pouco mais sobre a sua carreira
    e nossa o q o pai dela fez larga tudo para se dedicar a carreira da filha foi lindo
    o site é ótimo gostei muito

    i love B !!!

  6. Estou muito decepcionada com oque descobri hoje… eu descobri que até a Lady Gaga tem um livro, uma autobiografia.. mas a nossa linda Bey não tem. isso definitivamente NÃO é justo!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s